©‎2019 GRUPO GESTUS | Co-desenvolvido com Índio Medeiros

1/1

Protoperformances

SOBRE A OBRA

O Grupo Gestus, de Araraquara, completou, em 2005, 15 anos de trabalho ininterrupto em dança e teatro contemporâneo.

 

Para comemorar esta trajetória, o grupo tem trabalhado desde agosto de 2005 com processos performáticos que investigam a contaminação de linguagens como a dança, o teatro, o vídeo e a música, desencadeando numa pesquisa sobre performance e body art (arte viva), percurso até então inédito na região de Araraquara entre grupos de dança ou teatro.

 

A performance é uma forma colaborativa, que se dá pela fusão e o agenciamento de diversas linguagens artísticas (música, teatro, dança, arquitetura, moda, política...). Na performance há algo que é previsto pelo artista ou intérpretes, mas as significações emprestadas são possibilidades suscitadas pelo inesperado. Atividade efêmera, por definição, demanda um modo de percepção múltipla.

ANO DE CRIAÇÃO

2005

FICHA TÉCNICA

Direção: Gilsamara Moura

Assistente de Direção: Kranya Díaz-Serrano

Concepção: Grupo Gestus

Técnico de Luz e Som: Marco dos Anjos

 

ELENCO

Aline Viveiro, Érica Petroni, Fábio Costa, Gilsamara Moura, Kranya Diaz-Serrano, Rafael Otoni, Tadeu Queiroz, Sabrina Kelly.

1/1